Sejam todos muito bem-vindos! Depois de um ano de sucesso é chegada a hora de "mimar" o nosso blogue alterando-lhe o visual... ;) Alteram-se umas coisas, mas continua-se a apostar no mais importante: Partilha, Estudo e Brincadeira... para que possamos aprender sempre um pouco mais! Portanto mãos à obra, pois "Saber é Poder"!!! ;) Hugs and Kisses
RSS

terça-feira, 5 de janeiro de 2016

Texto poético (ficha informativa)

Texto poético 
Características da poesia
O texto poético é geralmente escrito em verso. Além da forma, tem uma linguagem própria, em que as palavras adquirem significados novos ou diferentes daqueles que têm noutras tipologias textuais, nomeadamente graças aos recursos expressivos utilizados.
O poeta é o autor do poema, mas a voz do poema – quem expressa os sentimentos, quem descreve realidades e vivências – é o sujeito poético.

Estrutura do texto poético
Verso – cada uma das linhas do poema.
Estrofe – um conjunto de versos separadas por um espaço em branco.
As estrofes classificam- -se tendo em conta o número de versos que as constituem.


Rima – igualdade ou semelhança de sons no fim dos versos.
Classifica-se conforme a posição que os versos ocupam na estrofe.
Um verso que não rima designa-se verso solto ou verso branco.

Métrica – medida de um verso, que corresponde ao seu número de sílabas métricas.
Para contar o número de sílabas métricas, contam-se as suas sílabas gramaticais até à última sílaba tónica.
Sílabas gramaticais que terminam e começam em vogais, e que são pronunciadas numa só emissão de som, contam apenas como uma sílaba métrica.
Por isso, o número de sílabas métricas nem sempre corresponde ao número de sílabas gramaticais. Os versos classificam-se tendo em conta o número de sílabas métricas que têm.

Clica no link para consultares (e imprimir) a:   Ficha informativa

0 comentários:

Enviar um comentário